sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Amante Contemporâneo
Vicência Cheib
Que os homens sempre tiveram amantes, não é novidade. Ancestralmente parece que os gajos são mais dispostos e corajosos no que diz respeito a variar a parceria.
A coisa funcionava mais ou menos assim, o felizardo tinha a esposa, com quem dividia os filhos registrados em cartório, as missas dominicais, as festas familiares, as doenças, as formaturas, a casa, os bens e de vez em quando, a cama. Não dividia jamais as contas, era o provedor.
Na rua tinha a “Teúda” com quem dividia os filhos não registrados, as queixas da “patroa” e principalmente, com freqüência e desempenho espetaculares, a cama. Com esta também não dividia as contas, era o provedor.
Muitas vezes a esposa sabia da existência da outra, mas, não se importava muito já que o digníssimo não deixava faltar nada em casa e ela ainda se livrava das sessões chatérrimas de acasalamento.
Estas relações duravam até a morte quando todos partiam felizes para o sempre.
Tenho observado, entretanto, um novo tipo de relação se estabelecendo ou já muito bem estabelecido.
Nestas, tudo continua, aparentemente, igual, mas, por trás da aparência semelhante surgem alguns detalhes que fazem toda a diferença.
O fofo que antes era provedor, agora é um duro, no mau sentido claro!
O duro, no bom sentido, está cada vez mais mole.
O masculino simplesmente entrou em crise!
No lugar de trabalhar, ganhar dinheiro, ter sua amante e ser o bom e velho, cada vez mais velho, provedor, ele resolveu malhar, estudar gastronomia, enologia, poesia, ter amantes e não pagar as contas.
Continuam não se separando, mas, não mais porque a esposa é a princesa digna e eterna e sim para não ter uma queda no nível socioeconômico!
Quando questionados sobre a situação, alegam que os filhos, coitados, não podem ficar sem o clube, o colégio particular, as aulas de inglês, balé, judô....
E a amante mudou também! Não é só um furor na cama, é independente, inteligente, bem tratada, bem vestida, tem seu próprio dinheiro que é suficiente, inclusive, para bancar viagens, jantares e presentes para o manso! Entretanto ela continua possuindo uma lacuna que só ele pode preencher: a carência afetiva. Com tantos vinhos, pratos elaborados, poesia e carinho ele pode perfeitamente ser um desprovido de atributos monetários. Afinal, dinheiro ela já tem e sexo, sim, sexo também, quando ele não está estressado com problemas dos filhos ou com uma nova receita francesa que não deu certo.

4 comentários:

Augusto Branco disse...

Olá! ;D

Venho te convidar para conhecer meu mais novo livro: O Pomo de Ouro.

SINOPSE: Henrique foi instruído nos mistérios da Maçonaria desde criança e tornou-se um bom Mestre Maçom. Entretanto, por ocasião dos atentados ao World Trade Center, no dia 11 de setembro de 2001, Henrique descobriu coisas tão perturbadoras que fizeram ele se afastar da Maçonaria e isolar-se do mundo, até que sua amiga Eva Cristina foi procurá-lo para ajudá-la a decifrar um código que o pai dela havia deixado numa carta antes de falecer em suas explorações arqueológicas. A partir daí, Henrique se vê obrigado a usar de seus conhecimentos secretos da Maçonaria para ajudar Eva a encontrar e devolver a quem de direito um objeto do qual depende o futuro da humanidade: o pomo de ouro.

Com uma narrativa dinâmica e envolvente para uma trama repleta de mistério, aventura e reviravoltas, o leitor é apresentado a uma série de contradições envolvendo os atentados de 11 de setembro, se torna conhecedor das mentiras da Igreja Católica e dos mais finos mistérios da Maçonaria, além de ficar a par da interpretação contundente de um conjunto de profecias que parece estar se concretizando a todo o momento em nosso tempo.

Realidade? Ficção? O Pomo de Ouro é a leitura mais intrigante, polêmica e misteriosa dos últimos tempos. Um livro único e imperdível!

LEIA 07 CAPÍTULOS DO LIVRO GRATUITAMENTE NO BLOG:
http://opomodeouro1.blogspot.com/

Espero que goste da leitura.
Um grande beijo pra você!

Jeferson disse...

Sei que não tem nada a ver com esse texto, mais ouvi a pouco tempo na rádo itatiaia, você fazendo um comentário e peguei so o final, dizendo sobre alimentação, sobre tempo de alimentação e tal e vocÊ recomendou seu blog mais não achei nada sobre isso.

Anônimo disse...

Olá Vicência,
Primeiro queria dizer que sou muito seu fã ,mas como não posso acompanhar diariamente suas dicas na Itatiaia pois tenho uma vida muito corrida,queria que você postasse ´´os quinze passos para um emagrecimento saudável´´ Ficarei muito agradecido.

neve almeida disse...

Ei minha querida..aprecio muito a sua participação na radio itatiaia, mas como nem sempre tenho oportunidade de ouvi-la gostaria muito de encontrar aqui suas dicas sobre o emagrecimento saudavel. Vc recomendou seu blog mas não acho nenhuma informação a respeito.